Utopia

Resultado de imagem para utopia

Era feita de Paz.

Saiu em busca do bem,

Caminhou em busca do amor,

Peregrinou por toda a cidade,

Intensificou sua meta

Nas tais coisas que são,

Importantes de verdade.

 

Atravessou fronteiras,

Procurou dentro e fora do país,

Viajou por todo o planeta,

Mas umas tais borboletas

Com suas asas de um claro azul,

Mudaram o rumo das coisas

Do sudeste, em direção ao sul!

 

Voltou num dia de sol a pino,

Asas murchas, bem cansadas,

A lucidez devagar sumindo,

Olhar tristonho,abatido,

Sofrido como quem perdeu a guerra,

Mesmo antes de tudo acabar,

Antes do sertão virar mar,

Antes, bem antes do fim chegar,

 

Era a Paz desistindo de tudo,

Era a esperança sumindo de fato,

Era um juramento que fenecia,

A esperança? 

Dormia agora em berço esplêndido,

Onde o luxo e a soberba tão nobre,

Chicoteia sem dó, o lombo sofrido dos pobres,

 Que com olhos vermelhos implora.

Mas o poder viola, abusa, apavora,

A Paz se esconde, acaba-se a alegria.

Ao saber que a Paz mundial,

É a mais pura e doce utopia!

Di Vieira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: